Ser Padrinho

Apadrinhe um Patudo ANIESP

Em que consiste o Apadrinhamento de um animal abandonado?

Não pode adoptar um patudo, mas gostava de ajudar um? O apadrinhamento é uma solução. Por vezes por questões pessoais, ter um animal poderá ser complicado. Se for o seu caso poderá apadrinhar um dos nossos patudinhos. Tenha um papel importante, ajudando a ANIESP com as despesas do mesmo contribuindo directamente para a sua protecção e bem-estar sem ter que o levar para a sua casa! Pode ainda ajudar o seu afilhado/a levando-o/a ao médico veterinário (usufruindo o nosso protocolo), ou dar um passeio, ou para um banho ou uma tosquia, enfim, o que for possível. Ele/ela agradece, pois ter uma madrinha/padrinho é ter alguém especial.

O que fazer para apadrinhar um animal?

Comunique-nos por email ou mensagem privada qual o patudo que deseja, escolha o valor mensal (minimo 20€) que vai doar ao seu afilhado e quando fizer o pagamento
(NIB: 0033 0000 4547 5901229 05 ) envie-nos o comprovativo, indicando o seu nome e do seu afilhado.

Quais são os direitos/deveres do Padrinho/Madrinha?

-O padrinho ou madrinha tem o direito de saber o estado de saúde do animal caso este sofra alterações.
-Poderão, se assim o entenderem, comparticipar nas despesas médicas (cirurgias, esterilizações, tratamento, internamento) que o animal necessite ou venha a necessitar.
-O animal terá registado na sua ficha o nome do seu Padrinho/Madrinha.
-Receber um recibo do valor pago pelo apadrinhamento se assim o desejar.
-Receber periodicamente uma fotografia do seu ‘protegido’.
– Combinar visitas, se o desejarem com a Associação, contribuindo para o seu bem-estar (brincando com ele, tratando da sua higiene pessoal, levando-o a passear…)
-Pagar mensalmente o valor tratado, para comparticipação nas despesas de alimentação, higiene e conforto do animal.
-Ajudar a divulgar o seu afilhado, tendo por objectivo conseguir-lhe uma boa adopção.

Agora que já sabe o que é o apadrinhamento não espere mais e escolha quem vai ajudar! Apadrinhe, abrace esta nova forma de ajudar quem um dia já teve um teto e poderá voltar a ter.

FAZER UM DONATIVO
Toda a ajuda é bem-vinda!